Gritos – O Sentido


Mails para a minha Irmã

2014-12-28 23.54.13

Jogar pelo seguro

É uma merda.

A vida não se prende

Nem se herda

Nem se entrega

Para viver.

Suga-se.

Usa-se.

Gasta-se em cada palavra irrefletida

E em cada gesto inesperado.

Tudo o resto é mentira.

Adiar inevitável do fim.

Na vida,

Há só uma e única maravilha,

A consciência de que cada instante

Tem de ser vivido

Em êxtase

E frenesim.

Qualquer plano

É um plano a mais.

O único caminho

É atravessar os pinhais,

Voar os céus,

Mergulhar no mar bem fundo

E acordar do outro lado do mundo

Com um par de botas gastas,

Um pouco de nada na algibeira

E a consciência intacta

E inteira

De não ter prometido nada,

De não ter cumprido nada,

De não ter falhado nada.

De ter vivido tudo.

Não querer, não ter,

Não possuir.

Viver cada dia

Com o sentido único

De usufruir.

E tu, alma errante e indecisa,

Não…

View original post mais 82 palavras

Anúncios

Sobre JNascimento

Kota amante da boa mesa e da boa música
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s